Davi não deve nada a ninguém e só estuda medicina se quiser

Só para assinantesAssine UOLOpiniãoDavi não deve nada a ninguém e só estuda medicina se quiserChico BarneyColunista de Splash03/05/2024 16h00

da Brasileirão Série D: Após vencer o BBB 24 (Globo), parte dos fãs de Davi vêm cobrando que o baiano comece a estudar medicina.

da cassinos no brasilNo Central Splash de hoje (3), Chico Barney apontou que algumas pessoas estão usando isso para atacar o campeão do BBB 24. “Ele ganhou uma bolsa de estudos em uma dinâmica, e falou que, assim que possível, começaria a cursar medicina e esse era o seu principal plano. Tem muita gente usando essa história do desejo de Davi em ser médico para, de alguma maneira, cobrá-lo e falar que ele foi um ‘embuste’ no programa por ter expressado seu sonho e, agora, estão surgindo fofocas de que ele quer ser outra coisa”.

“Ontem ele falou que estava esperando a faculdade ligar. E um monte de gente começou a falar: ‘Mas ele não sabe que tem que fazer vestibular?’. Tem uma parte do público cobrando o Davi de consolidar esse desejo”.

  • Juca Kfouri

    Em jogo quente, Galo tira o doce da boca do Flu

  • André Santana

    R$ 60 mi por um dia de Madonna. E o povo?

  • Wálter Maierovitch

    As reações do Hamas ao forte ultimato de Israel

  • Natalia Timerman

    Paul Auster: o escritor e seus livros não morrem

O colunista, no entanto, reforçou que estudar medicina não deve ser uma obrigação para o baiano. “O Davi não deve nada a ninguém. Se amanhã ele acordar e disser que quer virar astronauta, ele não precisa prestar contas a ninguém”.

“Está uma pressão como se o Davi devesse algo ao público, como se o prêmio não tivesse sido conquistado por ele, mas outorgado por alguém. Ou porque ele ‘precisa’ mostrar que vai ser médico, senão é uma farsa. Eles estão errados. Davi é um milionário que, se quiser abrir uma live amanhã rasgando dinheiro, que rasgue”.

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Veja também
Deixe seu comentárioSó para assinantes